sexta-feira, 1 de novembro de 2013

(des)encontros



um dia cruzei-me com um homem  alto
que não estava à altura.

moral da história:
a amplitude (da alma)
não é um questão de tamanho como todos bem sabemos.


mas há, também,
homens (e mulheres) altos
que têm o porte de árvores.
felizmente.

Sem comentários:

Enviar um comentário